Constelações familiares

constelações familiares

Como surgiram as constelações familiares?

A introdução às Constelações familiares começa nas tribos Zulu na África quando Bert Hellinger, o criado, foi missionário de lá. Aos poucos, Hellinger notou que não havia divisão em relação aos problemas de cada indivíduo ali. Se um tinha problemas, toda a comunidade se juntava para ajudá-lo a resolver.

Quem é o dono da constelação familiar?

Porém, muitas pessoas contribuíram para esta visão. Ainda hoje, em seminários ao redor do mundo, Bert Hellinger (92 anos) fala que ele é movido por sua curiosidade naquilo que conhecemos como Constelação Familiar.

Por que a constelação familiar é perigosa?

A constelação familiar, assim como qualquer outra técnica holística e/ou terapia, não é perigosa. O que é perigoso são os profissionais não qualificados que existem em todas as profissões. Você precisa escolher muito bem o seu terapeuta, alguém que te passe confiança, que trabalhe com integridade, que saiba o que está fazendo.

Qual a relação entre a constelação familiar e a psicologia científica?

Proponentes alegam que a constelação familiar segue a linhagem fenomenológica, que pode ser traçada através dos filósofos Franz Brentano, Edmund Husserl e Martin Heidegger. Essa perspectiva contrasta com a psicologia científica. O processo parte de um tipo de misticismo espiritual indígena.

O que são constelações familiares e para que servem?

Neste sentido o Judiciário Brasileiro passou a introduzir as Constelações Sistêmicas ou Constelações familiares como método auxiliador para a resolução de conflitos familiares, no próximo tópico este método será abordado de forma mais detalhada.

Quem é o dono da constelação familiar?

Porém, muitas pessoas contribuíram para esta visão. Ainda hoje, em seminários ao redor do mundo, Bert Hellinger (92 anos) fala que ele é movido por sua curiosidade naquilo que conhecemos como Constelação Familiar.

Quem criou o método de constelação familiar?

A constelação Familiar é um método fenomenológico criado pelo alemão Bert Hellinger, que foi padre e missionário na África por mais de 20 anos, onde trabalhou e observou as tribos zulus e seus comportamentos familiares. Quem criou o método de Constelação Familiar?

Qual a relação entre a constelação familiar e a psicologia científica?

Proponentes alegam que a constelação familiar segue a linhagem fenomenológica, que pode ser traçada através dos filósofos Franz Brentano, Edmund Husserl e Martin Heidegger. Essa perspectiva contrasta com a psicologia científica. O processo parte de um tipo de misticismo espiritual indígena.

Como funciona a constelação familiar?

A constelação familiar é uma espécie de “terapia” que é disponibilizada pelo SUS, porém não é reconhecida pelo conselho federal de medicina e nem de psicologia, considerada sem base cientifica. Ela funciona de uma forma bem peculiar e levanta discussões sobre seus princípios e opiniões de seu criador.

Quem escreveu o livro constelação familiar?

Existe um livro do espírita brasileiro Divaldo Franco, na qual trata desta abordagem do Constelação Familiar e que o mesmo foi escrito a partir do contato com um espírito que se auto denominava Joanna Angelis.

Como funciona a constelação?

Quando feita em grupo, a Constelação junta pessoas que não se conhecem e que representam papéis da vida de quem está sendo “constelado”. Para participar, você diz seu problema, e o “Constelador” escolhe entre quem está na sala, pessoas para representar todos os inseridos na situação.

Postagens relacionadas: