Biblioteca joanina

biblioteca joanina

Qual o valor da entrada na Biblioteca Joanina?

A entrada na Biblioteca Joanina integra-se num ingresso combinado chamado Universidade com Biblioteca Joanina, que inclui o Paço das Escolas (Biblioteca Joanina, Capela de São Miguel e Palácio Real) e o Museu da Ciência (Laboratório Chimico e Colégio de Jesus) – e custa 12,5€.

Onde fica a Biblioteca Joanina em Coimbra?

A Biblioteca Joanina em Coimbra data do século XVIII e, mesmo sendo tão antiga, é muito bem preservada, sendo considerada uma das mais belas do mundo. É um verdadeiro marco de Coimbra e de Portugal! Ela fica no pático da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, que já é um espetáculo por si só, e recebe muitos espetáculos e exposições!

Quais são as características da Biblioteca Joanina?

Na Biblioteca Joanina descobrem-se mundos dentro de mundos; aqui, tudo é saber, e a arte convida à descoberta. Os milhares de obras que compõem a biblioteca repousam num espaço opulento de beleza e exotismo, onde a riqueza dos tectos pintados se harmoniza com as balaustradas e estantes fabricadas com folha de ouro e madeiras dos trópicos.

Quais são os elementos de proteção da Biblioteca Joanina?

Como elementos de proteção contra estes inimigos, a Biblioteca Joanina contam com robustas estantes feitas de madeira de carvalho. Esta madeira, para além de ser muito densa, o que dificulta a penetração destes parasitas, emana igualmente um odor que funciona como repelente para este tipo de insetos.

Quais são os programas de visita da Biblioteca Joanina?

Existem três programas de visita, mas o único que dá acesso a Biblioteca Joanina é o Programa 1. O Programa 1 dá acesso ao Paço Real, Capela de São Miguel, Biblioteca Joanina (Paço das Escolas), Museu da Ciência e Colégio de Jesus. O valor normal é de 12,50 euros, já estudantes (18 a 26 anos) e idosos pagam 10,00 euros.

Onde fica a Biblioteca Joanina em Coimbra?

A Biblioteca Joanina em Coimbra data do século XVIII e, mesmo sendo tão antiga, é muito bem preservada, sendo considerada uma das mais belas do mundo. É um verdadeiro marco de Coimbra e de Portugal! Ela fica no pático da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, que já é um espetáculo por si só, e recebe muitos espetáculos e exposições!

Quais são as principais características da Biblioteca Joanina?

No caso da Biblioteca Joanina vale muito a tradição e o contexto histórico da própria universidade. A biblioteca possui 3 salas divididas por paredes com arcos barrocos e cada sala tem o teto decorado com pinturas ilusionistas, o que é bem bacana.

Quais são os elementos de proteção da Biblioteca Joanina?

Como elementos de proteção contra estes inimigos, a Biblioteca Joanina contam com robustas estantes feitas de madeira de carvalho. Esta madeira, para além de ser muito densa, o que dificulta a penetração destes parasitas, emana igualmente um odor que funciona como repelente para este tipo de insetos.

Quais são os elementos de proteção da Biblioteca Joanina?

Como elementos de proteção contra estes inimigos, a Biblioteca Joanina contam com robustas estantes feitas de madeira de carvalho. Esta madeira, para além de ser muito densa, o que dificulta a penetração destes parasitas, emana igualmente um odor que funciona como repelente para este tipo de insetos.

Quais são as características do teto da Biblioteca Joanina?

Em contraste com o pavimento em pedra calcária cinzenta e branca ressaltam os coloridos tetos decorados com alegorias dedicadas ao triunfo da Universidade. Dotada de exemplares das mais raras coleções bibliográficas, a Biblioteca Joanina apresenta um acervo de coleções dos sécs.

Quais são as principais características da Biblioteca barroca?

Apresenta um estilo marcadamente barroco, sendo reconhecida com uma das mais originais e espectaculares bibliotecas barrocas europeias. Além de local de pesquisa de muitos estudiosos, o espaço é ainda frequentemente utilizado para concertos, exposições e outras manifestações culturais.

Qual a importância da morfologia arquitetônica da Biblioteca?

XVI, XVII e XVIII que representam o que de melhor se produzia na Europa culta do seu tempo. A morfologia arquitetónica da Biblioteca garante um ambiente perfeitamente estável ao longo de todo o ano e assegura a perfeita conservação do acervo. Para tal, muito contribuem as paredes com cerca de dois metros de espessura.

Postagens relacionadas: