Iva vouchers

iva vouchers

Qual é o objetivo da alteração da diretiva do IVA no tratamento dos vouchers?

Foi publicado o parecer do Comité Económico e Social Europeu (CESE) sobre a proposta de alteração da diretiva do IVA, no que respeita ao tratamento dos vouchers, apresentada pela Comissão Europeia, em 10 de maio de 2012, com o objetivo de tributar os vouchers de uma forma global, neutra e transparente.

Como saber o valor do IVA suportado pelos contribuintes?

“O valor do IVA suportado pelos contribuintes é automaticamente apurado através do E-fatura e o benefício acumulado pode ser consultado no E-Fatura e na app .” Para conhecer em detalhe esta iniciativa consulte o documento informativo e o Portal IVAucher.

Quando o IVA será devolvido?

Isto porque, na prática, o valor do IVA relativo à aquisição destes serviços apenas será devolvido três meses depois. O projeto e-Fatura, implementado pelo Estado Português em 2013 e com sucesso evidente para as partes envolvidas, obriga a que todas as empresas comuniquem as faturas e outros documentos fiscalmente relevantes.

Como os vouchers emitidos por agentes de viagens são tributados?

A diretiva prevê que os vouchers emitidos por agentes de viagens sejam tributados no Estado Membro onde o agente está estabelecido. Para contrariar eventuais tentativas de mudança do lugar de tributação, os bens e serviços fornecidos através destes vouchers também são abrangidos por esta disposição.

Qual o prazo de pagamento do IVA?

E o prazo de pagamento do IVA, é alargado para o dia 25 do segundo mês seguinte ao mês ou trimestre a que respeitam as operações, consoante se trate de sujeitos passivos enquadrados no regime normal mensal ou trimestral.

Quais são as novas regras em sede de IVA quanto ao comércio eletrónico?

Adoção de novas regras em sede de IVA quanto ao comércio eletrónico, alterando determinadas obrigações relativas às prestações de serviços, vendas à distância e determinadas entregas de bens; Alteração do Decreto-Lei n.º 31/89, de 25 de janeiro, que isenta de IVA as importações de determinados bens;

Qual a diferença entre o IVA e os serviços?

Nesses casos, o IVA é cobrado e devido no país da UE em que os bens são consumidos pelo consumidor final. Do mesmo modo, o IVA é cobrado sobre os serviços no momento em que são prestados em cada país da UE.

Quais operações são sujeitas ao IVA?

O IVA é aplicado a todas as operações realizadas na UE a pagamento por um sujeito passivo, isto é, um indivíduo ou empresa que entregue bens ou preste serviços no exercício da sua atividade. As importações efetuadas por qualquer pessoa também estão sujeitas a IVA.

Qual o Prazo para Consultar IVA? No momento, após o registo como sujeito passivo do IVA. Como se pode Consultar IVA? Disponibiliza de uma forma sistemática e imediata toda a informação fiscal disponível sobre a situação do contribuinte em matéria de IVA:

Por que as empresas não devem pagar o IVA?

Quando é o pagamento do IVA?

De forma genérica, para quem está no regime normal de IVA, o pagamento do IVA pode ocorrer nos 5 dias seguintes ao término do prazo de entrega da declaração periódica de IVA (mesmo que seja o IVA automático ). Contudo, em consequência da pandemia COVID-19, foram estabelecidos de forma temporária novos prazos de entrega e de pagamento.

Qual a importância do IVA no fim do mês?

Dominar os mais pequenos detalhes do IVA é essencial para que, no fim do mês, as contas batam certo.

Qual a diferença entre IVA suportado e Iva dedutível?

Em suma, IVA suportado é o que a empresa paga quando compra o produto e o IVA dedutível é a parte do imposto que o Estado vai devolver à empresa. E quanto ao IVA liquidado? Os impostos não ficam por aqui e há mais uma designação a ter em conta para a gestão contabilística da sua empresa – o IVA liquidado.

O que é o IVA e qual a sua importância?

Ou seja, o IVA é um imposto sobre a transação. Este imposto não é do sujeito passivo, seja ele empresa ou trabalhador independente, é do estado, logo, tem que lhe ser entregue. Significa que este valor do IVA é assumido ou suportado no momento da transação.

Para qualquer data de viagem, desde que o voucher seja utilizado para uma reserva efectuada dentro da data de validade do voucher. Posso usar o meu voucher várias vezes até esgotar o saldo? Sim, pode utilizar o voucher as várias vezes em qualquer produto da Smytravel: cruzeiros, pacotes, hotéis, circuitos, etc., até ter utilizado o montante total.

Qual a relevância do voucher para o pagamento da nova viagem?

Como contabilisticamente o voucher não tem qualquer relevância e a conta corrente do cliente está saldada. Deste modo, como se procede contabilisticamente relativamente ao pagamento da nova viagem, em particular quando o valor da nova viagem é superior ao valor do voucher?

Como funciona o processo de emissão dos vouchers?

Postagens relacionadas: