Codigo iva

codigo iva

Quais são os artigos do Código do IVA?

O Código do IVA vigente atualmente apresenta um total de 102 artigos, divididos em oito capítulos. Os artigos mais procurados no Código do IVA são o artigo 9.º e o artigo 53.º, referentes à Isenção de IVA nas operações internas e ao âmbito de aplicação do regime especial de isenção, respetivamente.

Como consultar o código do IVA?

O Código do IVA está disponível em diferentes formatos. Pode consultar o: Código IVA em pdf (para consulta online, download ou impressão) O Código de IVA apresenta 102 artigos que explicam a aplicação deste imposto em Portugal.

Quando é o pagamento do IVA?

De forma genérica, para quem está no regime normal de IVA, o pagamento do IVA pode ocorrer nos 5 dias seguintes ao término do prazo de entrega da declaração periódica de IVA (mesmo que seja o IVA automático ). Contudo, em consequência da pandemia COVID-19, foram estabelecidos de forma temporária novos prazos de entrega e de pagamento.

Quando é cobrado o IVA?

A cobrança do IVA tem lugar quando uma empresa vende um produto ou serviço, através da emissão da respetiva fatura. E é aos consumidores finais a quem é cobrado o valor do IVA. As transmissões de bens e prestações de serviços realizadas a título oneroso; Aquisições intracomunitárias de bens e serviços.

Quais são as taxas do Código do IVA?

O Código do IVA, aquando da sua implementação, em 1986, apresentava três taxas – Reduzida, Normal e Agravada –, passando apenas a duas, depois da abolição da taxa Agravada. Atualmente, existem três taxas no Código do IVA: Reduzida, Intermédia e Normal. A estas três taxas, acresce a “taxa zero” ou a Isenção.

Como consultar o código do IVA?

O Código do IVA está disponível em diferentes formatos. Pode consultar o: Código IVA em pdf (para consulta online, download ou impressão) O Código de IVA apresenta 102 artigos que explicam a aplicação deste imposto em Portugal.

Quais as alterações ao código do IVA introduzidas pelo presente Decreto-Lei?

As alterações ao Código do IVA introduzidas pelo presente decreto-lei são objeto de avaliação até 31 de dezembro de 2022. O presente decreto-lei entra em vigor a 1 de janeiro de 2020. Lei n.º 119/2019, de 18 de setembro / Assembleia da República. - Alteração de diversos códigos fiscais.

Qual a proposta de lei de alteração do Código do IVA?

- Apresenta à Assembleia da República a proposta de lei de alteração do Código do Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA), aprovado pelo Decreto-Lei n.º 394-B/84, de 26 de dezembro, em matéria de isenção das prestações de serviços efetuadas no exercício da profissão de médico veterinário do pagamento do imposto. Diário da República.

A consulta das declarações de IVA pode ser feita de duas formas distintas: Selecionando as Declarações em Falta. A situação da conta-corrente de IVA e de reembolsos pedidos poderá ser consultada em “Os Seus Serviços > IVA > Consultar > Informação Financeira”. Qual a legislação de suporte?

Como saber se o número de IVA é compatível?

Quando o IVA deve ser pago?

Na declaração mensal, o IVA deve ser pago até ao dia 15 do segundo mês seguinte (art.º 27º CIVA). Ou seja, a declaração relativa ao mês de Janeiro deverá ser entregue até dia 10 de Março. O regime trimestral apresenta datas-limite específicas por trimestre.

Quais são as datas para o pagamento do IVA?

Para o regime trimestral. Já os contribuintes que estejam enquadrados no regime trimestral vão poder fazer o pagamento do IVA não até ao dia 15 como até agora, mas até ao dia 20 do segundo mês seguinte ao trimestre das operações. Assim, estes contribuintes têm quatro novas datas para tomar nota: Prazo limite.

Quando o trabalhador está isento do pagamento de IVA?

No que respeita ao término da isenção (58º do CIVA) a declaração de alterações de actividade deverá ser entregue à AT também até Janeiro. A partir de fevereiro, o trabalhador já é obrigado a liquidar o IVA, mesmo que o valor dos seus rendimentos fique abaixo dos 10.000€.

Quando pagar o IVA na segunda metade do ano?

Na segunda metade do ano, os as declarações e os respeitvos anexos devem ser submetidos nos dias 31 de agosto e 15 de novembro. Tal como no regime mensal, neste o IVA deve ser pago até ao dia 25 nos meses de fevereiro e maio.

Postagens relacionadas: